Prefeitura de Pinhais alerta sobre cuidados com a Dengue durante o feriado de carnaval

É importante que os moradores vistoriem suas casas e quintais antes de viajar a fim de eliminar qualquer tipo de recipiente que possa acumular água da chuva
Prefeitura de Pinhais

A Prefeitura de Pinhais, por meio do Departamento de Vigilância Ambiental, da Secretaria Municipal de Saúde, alerta sobre os cuidados a serem tomados durante o feriado de carnaval. Junto com as altas temperaturas há o aumento da proliferação do mosquito Aedes aegypti. O inseto é transmissor da Dengue, da Zika e da Chikungunya, doenças que debilitam, podem deixar sequelas graves e até matar.

O Departamento de Vigilância em Saúde reforça a orientação para que população elimine os criadouros dentro e ao redor de casa. “Agora no feriado do carnaval chamamos a atenção para que as pessoas antes de viajarem vistoriem suas casas e quintais a fim de eliminar qualquer tipo de recipiente que possa acumular água da chuva. O objetivo é evitar que criadouros do mosquito se formem no período de ausência dos moradores”, explica Cristiane Barros do Departamento de Vigilância Ambiental de Pinhais.

A reprodução do mosquito depende do calor, comum no verão, assim como da chuva, pois as larvas do mosquito precisam da água para se desenvolver. A transmissão da Dengue, da Zika e da Chikungunya ocorre quando o mosquito pica uma pessoa infectada e depois outra, passando a doença. “Pedimos que a população reserve dez minutos para eliminar focos em casa, em pratos de plantas e no lixo, ou em qualquer outro material ou local que possa acumular água”, completa Cristiane.

“No município, desde o início de 2018 até o momento identificamos nove focos do vetor Aedes aegypti. O que chama a atenção é que a maioria dos focos ocorreu em residências o que torna a situação mais preocupante”, ressalta. Para a prevenção, é importante também que a população permita a entrada dos agentes nas residências. “Os moradores devem acompanhar os profissionais durante as vistorias, porque o papel deles é o de orientar a todos e monitorar. Os agentes estarão sempre uniformizados, identificados com coletes e crachás da Secretaria de Saúde de Pinhais e sempre que o morador estiver com alguma dúvida em relação ao trabalho dos agentes ele pode ligar para a Vigilância Ambiental”, orienta.

Dicas para eliminar o mosquito

-Evite usar pratos nos vasos de planta.

-Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;

-Mantenha lixeiras tampadas;

-Deixe os tanques utilizados para armazenar água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água, lembrando de vedar inclusive o “ladrão” com uma tela de proteção;

-Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;

-Trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana, mantenha ralos fechados e desentupidos;

-Lave com escova os potes de comida e de água dos animais, no mínimo uma vez por semana;

-Retire a água acumulada em lajes;

-Dê descarga, no mínimo uma vez por semana, em vasos sanitários pouco usados e mantenha a tampa sempre fechada;

- Evite acumular entulho, pois podem se tornar criadouros do mosquito;

-Guarde pneus velhos e outros objetos que possam acumular água em locais secos e abrigados da chuva.

Serviço

Em caso de dúvidas entre em contato com a Vigilância Ambiental de Pinhais pelo telefone (41) 3912-5396.

Compartilhe:

Deixe seu comentário

(não será publicado)

* campos obrigatórios